Justiça do Irã liberta aliados de líder reformista

O Irã libertou ontem sob fiança dois importantes aliados do líder reformista Mehdi Karoubi, o quarto colocado nas eleições de junho. Um deles é Hengameh Shahidi, uma jornalista que estava em greve de fome desde a semana passada. Ela foi libertada após o pagamento de uma fiança de US$ 90 mil.

AE, Agencia Estado

02 Novembro 2009 | 08h13

Outro preso que ganhou a liberdade foi Morteza Alviri, que estava detido havia oito semanas e era assessor de Karoubi. A imprensa oficial do Irã, no entanto, não divulgou o valor da fiança paga por Alviri. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
líder reformista libertação Irã

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.