Justiça eleitoral paraguaia reconhece partido de Oviedo

A justiça eleitoral paraguaia reconheceu hoje a União Nacional de Cidadãos Éticos (Unace), partido político criado pelo ex-general golpista Lino Oviedo, horas depois que a polícia reprimiu uma concentração de seus partidários. Como partido independente, a Unace foi fundada em maio passado por Oviedo. Mas já havia surgido em 1996 como corrente interna dissidente do governista Partido Colorado, depois que o então general foi retirado do comando do Exército pelo então presidente Juan Carlos Wasmosy. O afastamento ocorreu após a frustrada tentativa de Oviedo de derrubar Wasmosy. Dois anos depois, o Tribunal Militar condenou Oviedo a 10 anos de prisão - sentença confirmada pela Suprema Corte de Justiça.Esta manhã, a polícia reprimiu milhares de partidários de Oviedo que se manifestavam para exigir a renúncia do presidente Luis González Macchi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.