Justiça enforca 12 por atentado em 2006

A Justiça iraquiana executou ontem 12 terroristas condenados por um atentado que matou 70 pessoas em um casamento em 2006. Os militantes, ligados a uma afiliada da Al-Qaeda no país, foram enforcados em uma cerimônia marcada pela presença dos parentes das vítimas. No sul do país, um triplo atentado matou ontem 11 pessoas na cidade petrolífera de Basra. Até o fim do ano, os EUA concluirão a retirada total de seus soldados do país e passarão a responsabilidade pela segurança para os iraquianos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.