Justiça francesa libera venda de boneco vodu de Sarkozy

Um boneco representando o presidente francês, Nicolas Sarkozy, que vem acompanhado de um manual de vodu e de agulhas para perfuração, poderá continuar a ser vendido, segundo decisão anunciada hoje pelo Tribunal de Apelação de Paris. A Justiça ressalvou que o boneco "atenta contra a dignidade" do presidente, mas que impedir a venda seria "desproporcional e atentaria contra a liberdade de expressão".O tribunal considera que a incitação ao leitor por parte do manual que acompanha o boneco de furar a figura do presidente com agulhas contribui com a idéia de causar dano físico a Sarkozy de maneira simbólica, o que atenta contra "a dignidade da pessoa" do chefe de Estado francês. A empresa responsável pelo produto, a Tear Prod, poderá continuar vendendo o boneco e o manual, mas deverá explicitar no pacote o sentido da sentença.O boneco vem estampado com algumas das frases mais famosas de Sarkozy, como "Suma daqui seu bundão patético" - que disse a um homem que se recusou a apertar sua mão em uma exposição de agricultura em 2007. O manual recomenda colocar agulhas nessa e em outras frases. Vodu é uma religião do oeste da África que é praticada em partes do Caribe e dos Estados Unidos. De acordo com uma crença generalizada, os praticantes de vodu colocam agulhas em bonecos representando seus inimigos para amaldiçoá-los. Entretanto, especialistas em vodu dizem que a prática é mal interpretada por pessoas que não compreendem a crença.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.