Justiça pune com multa espião desastrado

Um funcionário do governo britânico que esqueceu dentro de um trem documentos secretos de inteligência sobre a atuação a Al-Qaeda no Iraque foi condenado ontem a pagar multa de 2.500 libras. Além da punição da Justiça, Richard Jackson foi punido administrativamente. Ele teve uma "drástica" redução salarial e caiu três níveis na hierarquia do governo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.