Kabila consegue reeleição no Congo

O presidente da República Democrática do Congo, Joseph Kabila, foi reeleito, anunciou o chefe da comissão eleitoral nesta sexta-feira, pedindo por calma depois do anúncio do resultado preliminar que, segundo a oposição, é "totalmente inaceitável".

JONNY HOGG, REUTERS

09 de dezembro de 2011 | 15h39

As ruas estavam vazias antes do resultado em partes da capital Kinshasa e a polícia foi mobilizada para o caso de confronto.

"A comissão eleitoral nota que o candidato Joseph Kabila alcançou maioria com 8.880.944 votos, ou 48,97 por cento dos votos depositados", afirmou Daniel Ngoy Mulunda a jornalistas, autoridades e diplomatas reunidos para ouvir o resultado da eleição.

"(Os resultados) não são uma razão para incitar a população contra a ordem estabelecida para contestar os resultados ou para uma desforra", disse Mulunda.

Ele disse que o candidato Etienne Tshisekedi vinha em seguida com pouco mais do que 32 por cento.

O chefe de campanha de Tshisekedi, Alexis Mutanda, disse à Reuters: "Esse é um resultado totalmente inaceitável. Você só precisa olhar ao redor em Kinshasa ou no restante do país para ver quantas pessoas estão contra esses resultados. A população está completamente desorientada."

Tudo o que sabemos sobre:
CONGOREELEICAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.