Kabila vence as eleições no Congo com 49% dos votos

Resultados provisórios publicados nesta sexta-feira pela Comissão Eleitoral da República Democrática do Congo (antigo Zaire) deram a vitória ao presidente Joseph Kabila, reeleito para mais um mandato com 49% dos 18,1 milhões de votos. O líder da oposição Étienne Tshisekedi obteve 32% dos votos, de acordo com os resultados anunciados pelo chefe da comissão, Daniel Ngoy Mulunda.

AE, Agência Estado

09 de dezembro de 2011 | 15h24

Os partidários de Tshisekedi ameaçaram tomar as ruas em rebelião se Kabila for declarado vencedor. Eles queimaram pneus perto de algumas sessões eleitorais. Mas Mulunda tentou conter os ânimos. "Os candidatos precisam entender que em cada sessão eleitoral existem um ou vários perdedores", disse.

Muitos partidários de Tshisekedi se mostraram desconcertados. "Este é um desastre total. Nós estamos pensando no que fazer. Não sabemos o que acontecerá", A tropa de choque está em alerta em Kinshasa. Alguns moradores deixaram o país, temendo a violência. Tumultos já deixaram 18 mortos e 100 feridos, com grande parte dos mortos atingidos por tiros das tropas de Kabila, de acordo com relatório da organização de defesa dos direitos humanos Human Rights Watch.

Kabila, um ex-líder rebelde, primeiro tomou o poder no Congo há uma década, após o assassinato de seu pai, Laurent Kabila, que governou o Congo após a derrubada do ditador Mobutu Sese Seko em 1997.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.