Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Karadzic boicotará início de julgamento, diz advogado

O ex-líder servo-bósnio Radovan Karadzic não comparecerá, na semana que vem, ao início do julgamento dele por genocídio, de acordo com o advogado Goran Petronijevic, conselheiro legal de Karadzic. O caso corre no Tribunal Penal Internacional para a ex-Iugoslávia. O ex-líder alega que não teve tempo suficiente para preparar sua defesa.

AE-AP, Agencia Estado

23 de outubro de 2009 | 14h52

O advogado disse hoje que os promotores do tribunal em Haia, na Holanda, tiveram 13 anos para preparar o caso contra Karadzic, enquanto que a equipe de defesa teve apenas 13 meses para aprontar o material. Petronijevic afirmou que "isso é totalmente inaceitável e injusto". Ele não disse se o ex-líder pretende boicotar todo o julgamento ou apenas o início dele, previsto para segunda-feira.

Karadzic foi preso em julho do ano passado. Ele vivia como médico alternativo. O ex-líder responde por 11 acusações, entre elas genocídio e crimes de guerra, por supostamente orquestrar as atrocidades cometidas durante a Guerra da Bósnia entre 1992 e 1995. A estimativa é a de que cem mil pessoas tenham morrido no conflito.

Tudo o que sabemos sobre:
julgamentoKaradzicboicoteadvogado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.