Kerry apresenta proposta contra terrorismo nuclear

O candidato do Partido Democrata à presidência dos Estados Unidos, John Kerry, explicou sua proposta para reduzir o risco de atos extremistas com armas nucleares contra os Estados Unidos. Ele prometeu garantir a proteção de todos os arsenais e materiais atômicos espalhados pelo mundo até o fim de seu primeiro mandato, caso seja eleito presidente dos EUA.Em discurso no terminal de carga de um porto da Flórida, Kerry também prometeu reduzir os arsenais existentes de armas atômicas, interromper a produção de materiais usados nessas armas e obter o fim de programas nucleares bélicos em países hostis.O senador americano por Massachusetts prometeu ainda ampliar os esforços internacionais para interromper o tráfico de materiais nucleares e afirmou que nomearia um coordenador com status de ministro para combater em tempo integral a proliferação e o terrorismo nucleares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.