Kerry deve aceitar candidatura com discurso ?positivo?

O senador John Kerry vai aceitar nesta quinta-feira sua indicação para ser o candidato democrata à Presidência americana. A chapa formada por Kerry e pelo vice, John Edwards, foi aprovada na quarta-feira pelo voto de 4.254 delegados. Eram necessários pelo menos 2.162 votos. A candidatura só se torna oficial, no entanto, depois que o senador por Massachusetts fizer seu discurso de aceitação.O discurso deve ter mais de 50 minutos. Segundo alguns comentaristas, pode ser tempo demais para um político que não costuma ser considerado grande orador.A campanha de Kerry não vai divulgar com antecedência nenhum trecho da fala do candidato, como fez com a maioria dos principais oradores da convenção, mas assessores disseram que será uma apresentação "positiva" e não "de ataque".Nos eventos de campanha, dos quais ele vem participando em diversos Estados americanos nos últimos dias, Kerry já tem se concentrado mais em apresentar suas idéias e propostas, do que nos ataques ao governo Bush, que marcaram a primeira fase da campanha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.