Kerry faz 1ª visita ao Egito após deposição de Morsi

O secretário de Estado americano, John Kerry, está na capital egípcia, Cairo, para pressionar o país a realizar reformas, durante a visita americana de mais alto nível ao Egito desde a deposição do primeiro presidente eleito democraticamente no país. A destituição de Mohammed Morsi, levada a cabo pelos militares egípcios em julho, levou os Estados Unidos a suspender centenas de milhares de dólares em ajuda.

AE, Agência Estado

03 de novembro de 2013 | 07h56

Aparentemente, o Departamento de Estado espera uma recepção fria a Kerry à véspera do julgamento de Morsi sob acusações de incitar assassinatos. O Departamento se recusou a confirmar a visita de Kerry até ele aterrissar no Cairo neste domingo. O segredo foi visto como algo sem precedentes para uma viagem do secretário de Estado ao Egito - por muito tempo o mais próximo aliado dos EUA no mundo árabe - e mostra as divergências atuais entre Washington e Cairo. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EgitoEUAKerryvisita

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.