Kerry negocia cessar-fogo em Israel

Secretário de Estado dos EUA, John Kerry, vai se reunir com o primeiro-ministro israelense, o presidente da Palestina e o secretário-geral da ONU

Agência Estado

23 de julho de 2014 | 05h32

O secretário de Estado dos EUA, John Kerry, desafiou a proibição da Administração Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês) e viajou nesta quarta-feira para Tel Aviv, em Israel. O objetivo do governo norte-americano é tentar, mais uma vez, um acordo de cessar-fogo na Faixa de Gaza.

Kerry vai se reunir com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, o presidente da Palestina, Mahmoud Abbas, e o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon. O otimismo para um acordo é pequeno, mas os EUA querem pelo menos definir os limites de cada lado para aceitar um possível fim dos conflitos.

O secretário partiu de Cairo, no Egito, onde se reuniu ontem com o presidente do país, Abdel Fattan Al Sisi, e diplomatas da região. A viagem acontece um dia depois de a FAA impor uma restrição de 24 horas para voos de companhias aéreas norte-americana com destino para Tel Aviv.

Os conflitos na Faixa de Gaza já duram duas semanas, e causaram mais de 600 mortes de civis palestinos e israelenses.

Tudo o que sabemos sobre:
KERRYNEGOCIAÇÕESGAZA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.