Kerry parte para o ataque contra Bush

Confiante, o pré-candidato democrata à Casa Branca John Kerry lançou um ataque frontal à política econômica do presidente George W. Bush, ignorando seus rivais pela indicação do partido, na véspera da eleição primária de Wisconsin. Kerry, que vem liderando a corrida para competir com Bush e já aparece à frente do presidente em pesquisas de intenção de voto, criticou Bush por ter comparecido à corrida de automóveis Daytona 500, dizendo que o país perde empregos enquanto o presidente ?posa para fotografias?.Dos adversários de Kerry no campo democrata, John Edwards disse que tem ?diferenças? com seus rivais dentro do partido e que acredita que sua campanha vem ganhando impulso. Ele disse que continuará em campanha pelo menos durante o mês de março. Já Howard Dean, que começou a campanha como favorito mas ficou para trás com a disparada de Kerry, perdeu mais um assessor político, Steve Grossman, chefe da articulação nacional da campanha.A despeito disso, Dean disse a jornalistas que ?os obituários de campanha que alguns de vocês têm escrito estão um pouco fora de lugar?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.