Jacquelyn Martin/Pool/AP
Jacquelyn Martin/Pool/AP

Kerry segue para França a fim de encontrar Lavrov

Os chanceleres discutirão a crise na Ucrânia, em Paris

O Estado de S. Paulo,

29 de março de 2014 | 14h25

SHANNON, IRLANDA - Na metade do caminho de volta aos Estados Unidos da visita à Arábia Saudita, o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, mudou de ideia e decidiu ficar na Europa para discussões sobre a crise na Ucrânia.

Depois de voar de Riad, na Arábia Saudita, a Shannon, na Irlanda, para uma parada para reabastecimento neste sábado, o secretário decidiu que viajará para Paris para um encontro com o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, agendado para a noite de domingo. Kerry iria para a Europa de qualquer forma na terça-feira para uma reunião com os ministros das Relações Exteriores de países da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

O secretário estava em Riad, depois de passar por Roma e Haia esta semana, acompanhando o presidente dos EUA, Barack Obama, mas viajava em seu próprio avião. Ele havia feito uma viagem à parte para a Jordânia a fim de tentar salvar as negociações de paz no Oriente Médio enquanto Obama estava em Bruxelas.

O secretário também considera a possibilidade de retornar agora ao Oriente Médio para continuar pressionando pelo avanço da negociação entre Israel e palestinos. Assessores de Kerry disseram que ainda está em aberto a possibilidade de uma visita a Israel, territórios palestinos ou Jordânia. / AP e DJ

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.