Kerry substituirá Obama em viagens a Malásia e Filipinas

O presidente dos EUA, Barack Obama, cancelou visitas à Malásia e às Filipinas neste mês para lidar com a paralisação parcial do governo norte-americano. Contudo, de acordo com um comunicado da Casa Branca, o secretário de Estado, John Kerry, deve substituir Obama nas viagens.

AE, Agência Estado

02 de outubro de 2013 | 08h43

Obama havia programado viajar no sábado para participar de conferências multinacionais na Indonésia e em Brunei, antes de visitar a Malásia e as Filipinas como parte de seu esforço mais amplo para aumentar os laços políticos, econômicos e de segurança com a região do Sudeste Asiático. No entanto, a Casa Branca informou nesta quarta-feira que as possíveis passagens por Brunei e Indonésia ainda estão sob avaliação.

O primeiro-ministro malaio, Najib Razak, disse na quarta-feira recebeu uma ligação de Obama, informando-o que ele teria de adiar a visita. Embora Obama tenha garantido a Najib que ele estava comprometido a visitar a Malásia, uma nova data não foi anunciada.

Depois da passagem pela Malásia, Obama havia planejado visitar as Filipinas. Contudo, segundo o Departamento de Relações Exteriores das Filipinas, Obama avisou o presidente Benigno Aquino III que ele não seria capaz de visitar Manila neste mês. Aquino afirmou que "compreende" a decisão de Obama.

Em um comunicado, a Casa Branca confirmou que Obama não deve viajar para a Malásia, nem para as Filipinas como planejado. Contudo, o secretário de Estado, John Kerry, deve substituí-lo tanto na passagem pela Malásia quanto pelas Filipinas.

Tudo o que sabemos sobre:
euaobamaásiaviagens

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.