Kerry vai visitar Ottawa após recente tiroteio

Kerry vai visitar Ottawa após recente tiroteio

Secretário de Estado dos EUA, John Kerry, prestará apoio e pretende discutir segurança para "luta contra o extremismo violento"

O Estado de S. Paulo

27 de outubro de 2014 | 18h44

O secretário de Estado dos EUA, John Kerry, vai visitar Ottawa nesta terça-feira para oferecer "firme apoio americano" para o Canadá, após os incidentes da semana passada. Ele também vai discutir questões de segurança, informaram os governos dos dois países nesta segunda-feira.

A visita de Kerry acontece menos de uma semana após um atirador matar um soldado canadense e invadir o edifício principal do parlamento nacional. Michael Zehaf-Bibeau foi morto por agentes de segurança parlamentares após uma troca de tiros.

Kerry vai estender suas condolências às autoridades canadenses e se comprometeu a "continuar uma estreita colaboração na nossa abordagem comum para a luta contra o extremismo violento", declarou o porta-voz do secretário de Estado, em um comunicado.

O ministro das Relações Exteriores canadense, John Baird, disse que ele e Kerry vão discutir "maneiras de fortalecer o relacionamento bilateral, com foco na segurança interna, promoção do comércio e as viagens legítimas entre os dois países, ale´m de uma maior cooperação em matéria de segurança energética da América do Norte".

Baird destacou que o Canadá e os EUA são parceiros em uma série de questões, incluindo a luta contra militantes do grupo extremista Estado Islâmico e a ajuda à Ucrânia em sua luta contra a insurgência pró-Rússia. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
EUACanadávisita

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.