Kim Jong-un é nomeado Comandante Supremo da Coreia

A Coreia do Norte informou, já no sábado (pelo horário local) que Kim Jong-un, filho do falecido ditador Kim Jong-il, foi nomeado "Comandante Supremo" das Forças Armadas do país, que possuem 1,2 milhão de soldados. Em comunicado emitido na manhã do sábado, hora local em Pyongyang, a mídia estatal informou que Jong-un recebeu o título na sexta-feira, após uma reunião do Politburo norte-coreano. Kim Jong-il morreu aos 69 anos de ataque cardíaco em 17 de dezembro.

AE, Agência Estado

30 de dezembro de 2011 | 20h53

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.