Kremlin recebe quase 1 milhão de perguntas a Putin

O Kremlin recebeu quase 1 milhão de perguntas para a tradicional entrevista que o presidente russo, Vladimir Putin, dará na quarta-feira, ao vivo, pela televisão. Em três dias chegaram 909.583 perguntas de cidadãos russos e estrangeiros. A maioria foi feita por telefone e as demais pela internet, segundo o site www.presidentline.ru. Os cidadãos se interessam principalmente por assuntos socioeconômicos, como os aumentos de salários e bolsas de estudos, as ajudas para famílias pobres, a alta dos preços residenciais e dos combustíveis. Também chegam perguntas sobre a política externa da Rússia, em particular sobre os vizinhos ex-soviéticos, e o recém-anunciado programa do Kremlin para estimular a repatriação dos russos que ficaram em outros países após a desintegração da URSS. Os organizadores entrarão em contato com as pessoas cujas perguntas forem selecionadas para que possam conversar com o presidente ao vivo, por telefone. A entrevista de Putin, na quarta-feira, será transmitida por dois canais de televisão e duas emissoras de rádio estatais. Esta será a quinta linha direta com Putin. Na entrevista anterior, em setembro do ano passado, ele recebeu mais de 1 milhão de perguntas e respondeu a cerca de 60, em 2h53. Em julho, Putin deu a sua primeira entrevista ao vivo pela internet, que também durou mais de duas horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.