Kuwait dissolve parlamento e abre caminho para eleições

O tribunal constitucional do Kuwait forçou novas eleições parlamentares ao dissolver, neste domingo, 16, a Câmara atual, informou a agência estatal do país. A nação do Golfo é aliada dos Estados Unidos e tem 6% das reservas mundiais de petróleo.

Agência Estado

16 de junho de 2013 | 12h24

A decisão foi tomada após o tribunal desconsiderar questionamentos da oposição a mudanças no sistema eleitoral decretadas pelo emir, governante hereditário, sem que houvesse um debate público. O emir do Kuwait espera definir a data da próxima eleição, possivelmente dentro de três meses. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Kuwaiteleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.