Kuwait fecha filial da Al-Jazira e bane emissora do país

As autoridades do Kuwait fecharam hoje a sucursal da emissora de televisão Al-Jazira, do Catar, e retiraram a permissão para os jornalistas da empresa trabalharem no país. A medida foi tomada após a Al-Jazira ter feito a cobertura de uma violenta ofensiva policial contra uma reunião de parlamentares da oposição.

AE, Agência Estado

13 de dezembro de 2010 | 18h48

A Al-Jazira rechaçou as acusações do governo do Kuwait, de que a emissora estaria se envolvendo em assuntos internos do país. A emissora disse que continuará a cobrir os acontecimentos no país, mesmo com a proibição. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
imprensaAl-JaziraKuwait

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.