Ladrões desmontam e carregam ponte na Bósnia

Uma ponte de 13 metros de comprimento nas proximidades da cidade de Mostar, na Bósnia, foi roubada por sete ladrões. Ao longo de vários dias, o grupo trabalhou desmontando a estrutura metálica construída há 150 anos, durante o Império Austro-Húngaro. As peças foram vendidas a um ferro-velho.O crime ocorreu numa região de montanhas longe dos grandes centros, mas aldeões da localidade viram partes da ponte serem carregadas em furgões e alertaram a polícia. Os sete ladrões foram presos. Sem revelar nomes, as autoridades dizem que os ladrões são ciganos que venderam os pedaços da ponte por um total de US$ 170.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.