REUTERS/Heinz-Peter Bader/File Photo
REUTERS/Heinz-Peter Bader/File Photo

Moeda de ouro de US$ 4 milhões e 100kg é roubada na Alemanha

O artefato foi cunhado no Canadá, tem a efígie da Rainha Elizabeth II, com um grau de pureza que eleva ainda mais seu valor

O Estado de S.Paulo

27 de março de 2017 | 14h45

BERLIM  - Uma moeda de ouro gigante de 100 quilos em ouro puro foi roubada na madrugada desta segunda-feira, 27, do Museu Bode, em Berlim. O artefato foi cunhado no Canadá, tem a efígie da Rainha Elizabeth II e um valor de face avaliado em US$ 1 milhão.

Em virtude da pureza do ouro usado na moeda, ela pode valer até US$ 4 milhões e está n Livro dos Recordes por essa característica. 

De acordo com a polícia alemã, um grupo de ladrões entrou no museu sem ser detectado em uma janela, com o auxílio de uma escada. "Com base nas informações que temos até agora, acreditamos que eles quebraram uma janela e fugiram pela linha do trem que existe atrás do museu", disse o porta-voz Winfrid Wenzel. 

O porta-voz e o Museu disseram que não podem ainda comentar sobre a possibilidade de o roubo ter contado com o auxílio de algum funcionário. em eu nem o Museu podemos dar detalhes sobre a participação de alguém de dentro.

O Museu Bode tem a maior coleção de moedas do mundo, com 540 mil itens. / REUTERS 

Tudo o que sabemos sobre:
BERLIMCanadáMuseu

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.