Lafer tem convicção da derrota de Le Pen na França

O ministro das Relações Exteriores, Celso Lafer disse hoje que sua preocupação é "muito grande" em relação ao desempenho do candidato da extrema direita à presidência da França, Jean Marie Le Pen. Apesar disso, afirmou ter convicção de que ele será derrotado no segundo turno das eleições naquele país pelo atual presidente, Jacques Chirac. "O senhor Le Pen representa uma expressão lamentável de uma direita reacionária, racista, incapaz de compreender o mundo moderno e desejosa, inclusive, de destruir aquilo que há de mais interessante na Europa, que é a construção de um continente comunitário baseado na democracia, nos direitos humanos, nos valores e no Direito", disse. Lafer proferiu aula magna na Universidade Cândido Mendes, no Rio. Para o ministro, a ida de Le Pen para o segundo turno "não é algo irrelevante", já que "vai contra tudo aquilo que representou na Europa a superação do anacronismo, do preconceito do racismo e do nazismo". Questionado se a ascensão do candidato pode contaminar outros países, Lafer respondeu que "é sempre um risco".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.