Lampedusa: 27 mortos em novo naufrágio

Pelo menos 27 pessoas morreram no naufrágio de uma embarcação com mais de 200 imigrantes africanos a bordo ocorrido hoje na costa da Lampedusa, anunciou o primeiro-ministro de Malta, Joseph Muscat. Dos 27 mortos, pelo menos três eram crianças, detalhou Muscat em entrevista coletiva concedida em Valletta, a capital maltesa.

AE, Agência Estado

11 de outubro de 2013 | 17h54

Até agora, equipes de resgate conseguiram salvar 221 sobreviventes da mais recente tragédia marítima na costa da Lampedusa, ocorrida perto do local onde 339 morreram no naufrágio de outro navio que fazia a mesma travessia clandestina na semana passada.

A Guarda Costeira da Itália e funcionários do governo de Malta iniciaram uma operação de busca por sobreviventes pouco depois de um tripulantes de um avião da aeronáutica maltesa terem reportado o naufrágio.

O acidente ocorreu a apenas 105 quilômetros da Lampedusa, mas em uma área do Mar Mediterrâneo a responsabilidade pelas buscas cabe ao governo maltês.

Marco di Milla, porta-voz da Guarda Costeira italiana, disse que um navio foi enviado para ajudar depois de o governo de Malta ter pedido ajuda. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ItálianaufrágioLampedusaMalta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.