Le Pen não disputará presidência em 2012, diz revista

Le Pen não disputará presidência em 2012, diz revista

Jean-Marie Le Pen, líder da Frente Nacional, partido da extrema-direita francesa, afirmou que não concorrerá às eleições presidenciais na França em 2012. Ele se recusou a dizer quem o sucederá no comando da Frente Nacional, em entrevista à revista Le Figaro.

AE-AP, Agência Estado

09 de abril de 2010 | 20h03

Le Pen concorreu à presidência francesa por cinco vezes, espantando o país quando, em 2002, chegou ao segundo turno, vencido por Jacques Chirac. O partido de Le Pen, xenófobo, teve bom desempenho eleitoral nas últimas eleições regionais francesas. Martine, uma das três filhas de Le Pen, é vista como uma possível sucessora do líder direitista na Frente Nacional, bem como Bruno Gollnisch, um dos seus mais próximos colaboradores no partido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.