Legislador do Missouri quer banir aborto no Estado

Um legislador americano está querendo fazer do Missouri o próximo Estado a banir o aborto no país. O senador Jason Crowell entregou, nesta quarta feira, o projeto de lei que pretende proibir o procedimento. A lei só não poderá ser aplicada nos casos em que a gravidez coloca a vida da mãe em risco. Se aprovada, quem não cumprir a lei poderá pegar de cinco a quinze anos de prisão. Crowell disse esperar que a Suprema Corte derrube a lei de 1973 que dá o direito ao aborto. "Chegou a hora do aborto se tornar crime", afirmou. Além disso, o senador republicano pediu a outros legisladores que se juntem a ele nesta cruzada para "proteger a santidade da vida que está para nascer". Militantes pró-aborto juraram lutar contra o projeto de lei e estão assustados com o que poderá ocorrer se ele for aprovado. A Assembléia Legislativa do Missouri tem uma maioria maciça de deputados antiaborto e criou várias restrições para a prática durante os últimos anos.

Agencia Estado,

02 Março 2006 | 18h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.