Libertado invasor da festa do príncipe William

A Scotland Yard libertou neste domingo, mediante pagamento de fiança, o homem que no sábado tentou invadir o Castelo de Windsor, onde o príncipe William festejava 21 anos. Identificado como Aarib Barschak, de 36 anos, o invasor, que burlou os rigorosos esquemas de segurança do castelo, não estava armado e foi rapidamente detido.Mas a invasão na festa (os cerca de 300 convidados estavam fantasiados) causou preocupação às autoridades britânicas, já que a rainha Elizabeth e outros membros da família real estavam presentes. O episódio, lembrou um parlamentar conservador, ocorre num momento em que o país enfrenta "séria ameaça terrorista" agravada pela da participação da Grã-Bretanha na guerra contra o Iraque, liderada pelos Estados Unidos. O ministro do Interior britânico, David Blunkett, determinou ampla investigação para apurar a falha no esquema de segurança.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.