Libertados europeus seqüestrados no Saara

São libertados 14 turistas europeus que permaneceram reféns por seis meses no Saara, informou um porta-voz presidencial. Os reféns - nove alemães, quatro suíços e um holandês - foram soltos nesta segunda-feira, disse Seydou Sissouma, porta-voz do presidente do Mali, Amadou Toure. O grupo já estava sob custódia do governo na cidade de Gao, no deserto, e seria levado de avião para a capital, Bamako, na terça-feira, disse Sissouma, que se recusou a falar sobre a saúde dos europeus ou a responder a mais perguntas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.