Líbia liberta três presos capturados em petroleiro

Três líbios que tomaram o controle de um navio petroleiro de maneira ilegal foram libertados sob um acordo do governo com rebeldes, de acordo com a agência oficial de notícias Lana.

AE, Agência Estado

01 de abril de 2014 | 13h28

"O procurador geral decidiram libertar os três acusados de forçar o capitão e a tripulação do petroleiro a entrar no porto de Al-Sidra e de roubar o petróleo líbio", disse a agência.

No mês passado, o navio "Morning Glory" conseguiu escapar da marinha da Líbia perto de Al-Sidra, que é controlado por rebeldes que buscam autonomia frente à Trípoli. No dia 17 de março, a marinha dos EUA interceptaram e ocuparam o navio. Em seguida, as autoridades dos EUA levaram a embarcação de volta para a Líbia.

Os três líbios e uma tripulação de 21 membros de várias outras nacionalidades que estavam no navio de propriedade egípcia foram entregues à polícia. Não havia nenhuma informação sobre o destino imediato da tripulação, mas eles também devem ser libertados. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
líbianavio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.