Líbia: Refém britânico é liberado por militantes

Um refém britânico, chamado David Bolam, foi solto "são e salvo" por militantes na Líbia e já está com sua família, informou o Ministério das Relações Exteriores da Grã-Bretanha.

Estadão Conteúdo

04 de outubro de 2014 | 20h25

O professor atuava na escola Europeia Benghazi e era mantido como refém há quatro meses. Seu sequestro foi mantido como segredo durante todo o período e revelado somente agora.

O ministério não deu mais informações sobre o britânico sequestrado, mas, segundo perfil no Linkedin, Boal era diretor da escola Benghazi. Fonte: Dow Jones Newswire.

Tudo o que sabemos sobre:
Líbiarefém

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.