Líder da Al-Qaeda é detido por tropas americanas no Iraque

O Exército americano anunciou nesta quarta-feira a detenção de um "importante líder" do braço iraquiano da rede terrorista Al-Qaeda no Iraque, acusado do assassinato de dezenas de pessoas, entre elas crianças e mulheres.Um comunicado do comando militar americano não menciona o nome do detido, mas confia que sua detenção prejudicará as atividades da rede terrorista no Iraque e estreitará o cerco das forças da coalizão sobre o líder da organização no país, Abu Ayub al-Masri.O líder da Al-Qaeda foi detido junto com outros seis supostos terroristas, na cidade de Mossul, cidade a 400 quilômetros ao norte de Bagdá, explica a nota, sem informar a data da detenção.O Exército afirmou que ele era o "emir da ala militar" da Al-Qaeda em Mossul em 2005 e depois foi transferido para a região de Al Karj, em Bagdá, onde organizou vários seqüestros e atentados com carros-bomba.O comunicado o acusa também de ter planejado um ataque para derrubar um helicóptero militar da coalizão no bairro de Al Adhamiya, em Bagdá, em maio de 2006, e de ter facilitado a presença de "terroristas estrangeiros" no Iraque.

Agencia Estado,

20 de dezembro de 2006 | 09h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.