Líder da oposição espanhola pede renúncia de Rajoy

O secretário-geral do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Alfredo Pérez Rubalcaba, pediu a renúncia imediata do primeiro-ministro Mariano Rajoy depois de um jornal ter afirmado possuir provas de que ele recebeu recursos irregulares quando trabalhou num governo anterior.

AE, Agência Estado

14 de julho de 2013 | 13h34

O escândalo envolvendo tais pagamentos secretos já agitou o Partido Popular (PP), de Rajoy, e prejudicou sua popularidade.

Neste domingo, o jornal El Mundo publicou que tem mais provas de que Rajoy sabia da rede de corrupção no partido, liderada por Luis Bárcenas.

O jornal publicou o que afirmou serem mensagens de texto enviadas por celular entre Rajoy e Bárcenas. Além do pedido de renúncia, Bárcenas declarou que seu partido rompeu todas as relações com o PP.

Os espanhóis enfrentam duras medidas de austeridade e reformas econômicas com o objetivo de reduzir a dívida do país. A economia do país é atingida pela recessão e o desemprego atingiu 27,2%. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EspanhapolíticaRajoy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.