Líder de bloco opositor renuncia após reeleição

O presidente do Conselho Nacional Sírio (CNS), principal bloco de oposição, Burhan Ghalioun, renunciou ontem, dois dias após ser reeleito. "Não vou me permitir ser o candidato da divisão. Não estou fixado à oposição, então renunciarei assim que um novo candidato for escolhido, seja por consenso ou por meio de novas eleições", disse, em Paris. Ghalioun vem presidindo o CNS desde sua fundação, em outubro.

O Estado de S.Paulo

18 Maio 2012 | 03h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.