Líder de braço da Al-Qaeda pede ataque a alvos dos EUA

Sufyan al-Azdi al-Shahri, número 2 na hierarquia da Al-Qaeda na Península Arábica, pediu hoje aos militantes da rede extremista que promovam ataques a alvos dos Estados Unidos em "todas as partes do mundo". O chamado foi feito em uma mensagem de áudio divulgada hoje. "Os alvos americanos e cruzados estão por toda a parte e seus agentes deslocam-se pelo mundo todo", diz Shahri na gravação. "Ataquem e eliminem quantos inimigos puderem", prossegue a voz. As informações são da Dow Jones.

AE, Agencia Estado

08 de fevereiro de 2010 | 12h42

Tudo o que sabemos sobre:
terrorismoAl-QaedaEUAataques

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.