Líder de Partido governamental é assassinado na Caxemira

Um grupo de insurgentes matou neste domingo, 1, naCaxemira indiana (norte) o líder do Partido do Congresso no distrito de Baramulla, Jan Mohammed Kakroo, quando ele voltava para casa após rezar em uma mesquita, informou uma fonte policial.O ataque aconteceu no começo da manhã na capital do distrito, informou o oficial de polícia Mohammed Abdullah Wani, em entrevista à agência indiana PTI.Kakroo foi morto com um tiro à queima-roupa, enquanto seuguarda-costas ficou gravemente ferido no ataque.Segundo o governo indiano, mais de 60 mil pessoas morreram na Caxemira indiana desde que grupos armados iniciaram em 1989 a luta para conseguir a independência dessa região ou sua anexação ao Paquistão.No entanto, as organizações separatistas aumentam o número de vítimas fatais para mais de 100 mil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.