Líder de protestos é preso pelas autoridades tailandesas

Um manifestante na Tailândia disse que autoridades levaram preso um líder dos protestos que fizeram encerrar um encontro de cúpula asiática. Um membro da organização do movimento antigoverno disse que a família do líder Arisman Pongruengrong disse-lhe que Arisman foi retirado de sua casa domingo de manhã por oficiais não identificados.

AE-AP, Agencia Estado

12 de abril de 2009 | 01h52

"A família não sabe onde Arisman está e seu telefone não pode ser acessado", disse Somsak Lertwisut.

O primeiro-ministro Abhisit Vejjajiva prometeu domingo cedo rapidamente ações legais contra os manifestantes que humilharam, seu governo sábado ao investir contra o local onde 16 países asiáticos se reuniam. O premiê disse que uma prisão havia sido autorizada mas não revelou mais detalhes.

Tudo o que sabemos sobre:
tailândiaprisãomanifestante

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.