Líder do Hamas diz que AP não tenta deter ataques a israelenses

A Autoridade Palestina não tentou fazer com que o grupo militante Hamas promovesse ataques - incluindo os praticados com homens-bomba - contra israelenses, afirmou hoje o líder espiritual do grupo em entrevista à TV de Israel.O líder, xeque Ahmed Yassin, que vive em cadeira de rodas, disse que a Autoridade Palestina na verdade não ajudou o grupo a levar a cabo os ataques suicidas, mas deu uma aprovação tácita ao não tomar nenhuma atitude para deter os atentados.Ao ser perguntado por um jornalista da TV israelense que tipo de assistência a Autoridade Palestina deu ao Hamas, Yassin, envolto em um cobertor marrom, afirmou: "Eles fecham o olho ou viram as costas."Israel tem acusado com freqüência a Autoridade Palestina incluindo seu líder, Yasser Arafat - de estar envolvida em "terrorismo", acusações que os palestinos negam com veemência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.