Líder do Hamas não concorrerá à reeleição

O Hamas, grupo islâmico que controla a Faixa de Gaza, confirmou ontem que seu líder, Khaled Meshal, não concorrerá à reeleição. Em um comunicado oficial, a organização pediu, no entanto, que ele reveja sua decisão. Segundo o Hamas, a escolha do comandante precisa ser feita pelo movimento como um todo, não por um só homem. Ainda não se sabe quando serão as eleições para escolher o novo líder do grupo, mas Ismail Haniyeh, atual líder do Hamas em Gaza, é tido como o sucessor natural.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.