Líder do Hezbollah diz que surpreenderá Israel

O líder do Hezbollah, Hassan Nasrallah, revelou neste domingo, em discurso transmitido pela rede de televisão Al-Manar, pertencente ao grupo libanês, que "continuará com a resistência e surpreenderá Israel com ataques além da cidade de Haifa", que é a terceira maior do país."Foram apenas algumas dezenas de mísseis. No entanto, ainda temos muitas armas", contou Nasrallah, fazendo referência aos foguetes que a milícia do Hezbollah lançou sobre Haifa nesta manhã. "Assim como surpreendemos no mar, prometo que também surpreenderemos em terra", completou o dirigente, citando como exemplo os ataques que os radicais lançaram no sábado contra um navio israelense, deixando quatro soldados desaparecidos.Este foi o segundo pronunciamento de Nasrallah, que na última quarta-feira apareceu para anunciar que seu grupo tinha capturado dois soldados israelenses e que queria trocá-los por presos árabes em poder de Israel."Neste domingo cumprimos nossa promessa e atacamos Haifa. Se tivéssemos atingido as fábricas de material químico desta cidade, teríamos causado uma tragédia na população, mas evitamos", acrescentou Nasrallah, que também desmentiu que tivesse sofrido ferimentos nos últimos ataques israelenses.O líder xiita ainda advertiu que utilizará "todo tipo de recurso para garantir a defesa", já que o inimigo estaria promovendo "uma agressão sem limites nem linhas vermelhas".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.