Líder filipina oferece "paz dos cemitérios"

A presidente filipina Gloria Macapagal Arroyo disse hoje que oferecerá a paz aos rebeldes que depuserem suas armas e aos criminosos recuperados, mas àqueles que não o fizerem, ela oferece apenas "a paz dos cemitérios". Arroyo referiu-se aos narcotraficantes, seqüestradores, estupradores e aos rebeldes do grupo separatista Abu Sayyaf, que recentemente provocaram a ira da chefe de Estado ao ameaçarem decapitar um norte-americano cativo como presente pelo 54º aniversário da presidente, comemorado em 5 de abril. Os rebeldes não cumpriram sua promessa e Arroyo lançou um ataque militar para "pulverizar" o Abu Sayyaf. "É melhor que se comportem", advertiu Arroyo aos rebeldes contumazes e aos criminosos em uma declaração. "A única paz que ofereço a eles é a paz dos cemitérios.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.