Líder palestino é isolado em prisão israelense

O líder palestino Marwan Barghuti (ao centro na foto) - condenado a cinco penas de prisão perpétua por Israel - foi castigado com confinamento solitário por ter feito declarações políticas, confirmou ontem o governo israelense. Barghuti ficará preso "em isolamento durante um período de uma semana e não poderá receber visitas nem frequentar o refeitório por um mês".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.