Líder palestino se diz ansioso para encontrar Sharon

O primeiro-ministro palestino, Ahmed Korei, disse que está ansioso para se reunir com o chefe do governo de Israel, Ariel Sharon, e se mostrou confiante na possibilidade de se chegar a um acordo de paz. Líderes israelenses vêm alertando que o prazo para um consenso com os palestinos começa a se esgotar, e que Israel poderá impor uma solução unilateral.Os comentários de Korei, publicados em jornais israelenses, surgem em meio a insinuações cada vez mais freqüentes, por parte de Sharon, de medidas unilaterais que provavelmente incluiriam uma retirada completa de Israel de alguns dos territórios palestinos, e a anexação de outros.Os dois líderes não se reúnem desde que Korei empossado primeiro-ministro em outubro, e os esforços para organizar uma cúpula entre ambos vêm sendo atrapalhados pela discussão sobre as restrições impostas por Israel à liberdade de movimentação dos palestinos e ao muro que está sendo construído pelos israelenses na Cisjordânia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.