Líder polonês citado em site árabe que ameaçou a Espanha

O presidente da Polônia, Aleksander Kwasniewski, foi citado com possível alvo de um atentado no mesmo site em árabe que, no ano passado, sugeriu que a Espanha seria atacada, disseram autoridades polonesas. A Polônia enviou tropas de combate para participar das forças de ocupação lideradas pelos Estados Unidos no Iraque e, atualmente, comanda cerca de 9.500 soldados estrangeiros no país árabe. A Espanha também apoiou a invasão americana e enviou soldados ao Iraque.Pesquisadores noruegueses que encontraram a menção à Espanha revelaram que o documento também analisa a situação política na Polônia e destaca que o mandato de Kwasniewski termina em 2005, disse Zbigniew Siemiatkowski, diretor do serviço secreto polonês, à Associated Press. "Talvez a terra já o tenha engolido até lá", diz o documento sobre Kwasniewski, publicou nesta quinta-feira o jornal polonês Gazeta Wyborcza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.