Líder religioso sunita é assassinado no Iraque

Homens armados mataram o líder religioso sunita Faid Mojamed Amin al-Fadyi em sua casa, ao norte de Mosul, nesta sexta-feira. Ele era membro da Associação de Muçulmanos Eruditos, que se opôs à ocupação americana em Faluja e afirma que irá promover o boicote das eleições nacionais programadas para 30 de janeiro.Al-Fadyi foi hospitalizado, com vários tiros na cabeça e no corpo, mas morreu ao ser operado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.