Líderes africanos pedem o envio de soldados americanos à Libéria

Aumentou nesta segunda-feira apressão para que os Estados Unidos contribuam com o envio de umaforça de manutenção de paz à conturbada Libéria. Líderes africanos pediram o envio de aproximadamente 2.000 soldados americanos e querem uma resposta do presidente dos EUA,George W. Bush, antes de sua visita à África, o que deverá ocorrer em julho deste ano.Embaixadores dos países-membros do Conselho de Segurança daOrganização das Nações Unidas e líderes do oeste da África estãoreunidos em Gana com oobjetivo de estabelecer uma força internacional de 5.000 homenscapaz de se posicionar entre as forças rebeldes e os soldados dopresidente liberiano, Charles Taylor.Os Estados Unidos manifestaram boa-vontade em desempenharalguma função nos esforços para pacificar a Libéria, apesar denão terem se engajado em nenhum acordo específico de envio detropas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.