Líderes de China e Taiwan têm reunião histórica

O encontro é o primeiro entre líderes desde o fim da guerra civil há quase 60 anos

BBC Brasil,

12 de abril de 2008 | 09h41

O presidente da China, Hu Jintao, participou de uma reunião histórica com o vice-presidente eleito de Taiwan, Vincent Siew, neste sábado, 12. O encontro foi o primeiro entre líderes de ambos os lados, desde a guerra civil chinesa, há quase 60 anos. Segundo analistas, a reunião - realizada paralelamente ao Fórum Econômico Internacional na ilha de Hainan - também pode marcar um divisor de águas nas relações entre China e Taiwan.   Siew ainda não foi empossado, mas participa do evento como chefe da delegação taiwanesa. O novo governo de Taiwan prometeu reforçar as relações com os chineses, que consideram a ilha uma província separatista.   Os dois governos se separaram após a guerra civil da China, em 1949, e nos últimos anos, as relações entre eles vinham se deteriorando. Depois do breve encontro com Siew, o chinês Hu disse que para melhorar as relações entre os governos, serão necessários esforços de ambos os lados.   "Nesta ocasião, fiquei satisfeito de trocar opiniões sobre economia com o senhor Siew", disse. Já Siew dissera antes do encontro esperar que a reunião aprofundasse o entendimento entre os dois lados e criasse a base para uma confiança mútua.   Siew venceu as eleições ao lado de Ma Ying-jeou em março e deve assumir o governo no dia 20 de maio.     Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaTaiwan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.