Líderes sul-asiáticos firmam acordo de energia

Países sul-asiáticos firmaram um acordo energético nesta quinta-feira no seu primeiro encontro em três anos, em evento que contou até mesmo com um aperto de mão entre os líderes da Índia e do Paquistão. Apesar do clima amistoso, no entanto, as nações não conseguiram chegar a terreno comum em outras duas propostas econômicas.

Estadão Conteúdo

27 Novembro 2014 | 09h46

No dia de encerramento do encontro, que durou dois dias, os representantes foram a um resort próximo à capital do Nepal e chegaram a um acordo sobre o compartilhamento da energia elétrica em oito países por meio de uma rede elétrica comum.

Segundo autoridades que compareceram ao evento, o Paquistão realizou objeções de última hora aos acordos de compartilhamento energético e de conexão entre estradas e ferrovias devido a procedimentos internos. No final, contudo, o primeiro negócio foi acertado.

O Fórum da Associação sul-asiática para cooperação regional é o primeiro desde 2011 e geralmente é dominado pela rivalidade entre a Índia e o Paquistão. A periodicidade do evento deveria ser anual, mas ele geralmente não ocorre devido às discordâncias dos membros do grupo.

Participam da associação Índia, Paquistão, Afeganistão, Bangladesh, Butão, Maldivas, Nepal e Sri Lanka. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
líderesenergiaÁsia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.