Lieberman: relatório da ONU sobre Gaza é 'tendencioso'

O ministro de Relações Exteriores de Israel, o ultranacionalista Avigdor Lieberman, afirmou que um relatório elaborado por um comitê de inspeção das Nações Unidas foi "flagrantemente tendencioso". O documento analisa a atuação das Forças Armadas israelenses em um suposto ataque intencional a instalações da Organização das Nações Unidas (ONU), durante a operação lançada contra o Hamas na Faixa de Gaza.

AE, Agencia Estado

05 de maio de 2009 | 09h03

A declaração de Lieberman foi divulgada no site do jornal "Jerusalem Post". Segundo o ministro, Israel participou de "investigações independentes" sobre os danos causados nas instalações da ONU. Lieberman afirmou que ficou comprovado que as tropas israelenses não dispararam intencionalmente nas instalações da ONU. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Grã-BretanhaIsraelLieberman

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.