Liga árabe contra ataque dos EUA ao Iraque

Representantes dos países que compõem a Liga Árabe definiram posição contrária a qualquer ataque dos EUA contra o Iraque, disse o ministro das Relações Exteriores do Sudão, Mustafa Osman Ismail. Segundo ele, os delegados estão concluindo resolução nesse sentido, após dois dias de discussões entre os Ministros de Relações Exteriores da Liga Árabe. "A resolução diz, com unanimidade, que todos os países árabes são contrários a qualquer ataque - contra o Iraque ou outra nação árabe", disse Ismail. Questionado sobre eventual suporte logístico aos EUA por nações amigáveis, Ismail disse: "Uma vez que há consenso para rejeição de qualquer ataque, implicitamente entende-se que nenhum país árabe irá cooperar na execução de ofensiva."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.