Liga Árabe oferece cadeira da Síria a coalizão opositora

Os ministros das Relações Exteriores da Liga Árabe ofereceram nesta quarta-feira à coalizão opositora síria a cadeira pertencente ao país na entidade. A condição é que o grupo de oposição ao presidente Bashar Assad forme um conselho executivo para representá-lo.

AE, Agência Estado

06 de março de 2013 | 13h45

A oferta à Coalizão Nacional Síria, que conta com apoio do Ocidente e do mundo árabe, foi anunciada pelo secretário-geral da Liga Árabe, Nabil Elaraby, após reunião de chanceleres no Cairo.

A Liga Árabe suspendeu a filiação da Síria em 2011, depois de o governo Assad não ter cumprido um plano proposto para entidade para pôr fim ao conflito que mais tarde transformou-se em guerra civil. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
SíriadiplomaciaLiga Árabeoposição

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.